sábado, 28 de maio de 2011

Lições Bíblicas Juvenis - A política de cada dia

A lição deste fim de semana irá tratar sobre política. Mesmo 2011 não sendo um ano de eleições, a política está sempre presente. Os alunos juvenis estão numa idade em já estão iniciando uma vida de eleitores. Portanto, devem saber que "quando se multiplicam os justos, o povo se alegra, quando, porém, domina o perverso, o povo suspira" (Pv 29.2).

Política x Politicagem

Muitos, quando ouvem falar de política, já associam a algo mau. Isso acontece devido aos políticos que não procederam de forma honrosa que temos visto durante a história da humanidade. Segundo o Dicionário Houaiss, política é a "arte ou ciência de governar" ou a "arte ou ciência da organização, direção e administração de nações ou Estados". Em qualquer povo, em qualquer nação há política. Já imaginou uma nação sem um governante? Sempre existe alguém no governo, alguém na liderança.

Até mesmo na igreja, a política está presente. Um exemplo é o Concílio de Jerusalém. No qual, a questão era se os gentios podiam ser salvos sem a circuncisão e o legalismo mosaico. Tiago tomou a palavra e disse: "Pelo que, julgo eu, não devemos perturbar aqueles que, dentre os gentios, se convertem a Deus, mas escrever-lhes que se abstenham das contaminações dos ídolos, bem como das relações sexuais ilícitas, da carne de animais sufocados e do sangue" (At 15.19,20). A importância do primeiro concílio da igreja consiste em "ter salvo o evangelho da mistura judaica, firmando assim o cristianismo em seu caminho como movimento espiritual universal que transcendia todas as barreiras sociais, raciais e religiosas, oferecendo regeneração espiritual a todos que cressem".¹

Podemos ver que a política não é algo ruim. O ruim é a politicagem, que é a política de interesses pessoais, de troca de favores, ou de realizações insignificantes. É a politicagem que engana, que mente, que é corrompida. É a politicagem que não se importa com os outros.

Quando o homem assumiu o governo

Israel tinha o próprio Deus como rei. Deus governava sobre os israelitas. Mas eles rejeitaram o governo teocrático, disseram a Samuel: "constitui-nos, pois, agora, um rei sobre nós, para que nos governe, como o têm todas as nações" (1 Sm 8.5). Esse pedido não agradou a Samuel, muito menos a Deus. O Senhor advertiu-os que, com um rei, eles estariam sujeitos a perder filhos e filhas para servirem o rei, animais, campos, colheitas e bens. Mesmo assim, o povo não atendeu e clamou por um rei. A monarquia, então, foi estabelecida em Israel.

Quando os justos dominavam, então estava tudo bem, mas quando homens desobedientes, que não eram tementes a Deus assumiam o poder, o sofrimento reinava junto. As consequências que Deus falou se cumpriram, e não muito tempo depois; é o que vemos em 1 Samuel 12.16-25.

Política é coisa séria!

É preciso julgar bem para votar em alguém. Se todos fossem crentes, seria bom, pois todas as leis estariam de acordo com a Bíblia. Mas o político evangélico deve se preocupar não só com as necessidades espirituais, mas também com as necessidades materiais do povo. Veja alguns requisitos que devem ser analisados nos candidatos:

  • Testemunho exemplar;
  • Capacidade intelectual;
  • Vocação para a vida pública
  • Que não seja comprador de votos; se ele infringe a lei sendo candidato, como será quando for eleito? Com certeza, ele irá querer recuperar tudo o que gastou.

Depois de eleito, ele deve apresentar-se:
  • No rumo do amor, da verdade e da justiça social;
  • Não acomodado ante a corrupção, a exploração ou opressão do povo;
  • Não atuante numa linha extremista de agitação e radicalização;
Se for evangélico, que ele ame a Bíblia Sagrada e traga no coração e na consciência as marcas de Jesus Cristo.

Se ele já foi eleito, observe se ele apresenta defeitos como: Fraco e incoerente como Arão (Êx 32.1-4); desobediente como Saul (1 Sm 15.10-29); fácil de ser envolvido como Acabe (1 Rs 21.25) ou subornado como Balaão (2 Pe 2.15,16).

Caso o candidato eleito não seja o que você escolheu, mesmo assim, ore por ele. É um dever nosso, como cristãos: "Exorto, pois, antes de tudo que se façam súplicas, orações, intercessões, e ações de graças por todos os homens, pelos reis, e por todos os que exercem autoridade, para que tenhamos uma vida tranquila e sossegada, em toda a piedade e honestidade" (1 Tm 2.1,2).

Marco Antonio da Silva Filho

Referências:
¹ Manual Bíblico Unger, São Paulo: Vida Nova, 2006
Liderança, contextualização e ação sócio-política da Igreja. Pr. Ednilson Barbosa. Seminário para líderes cristãos: Padrões Bíblicos de Liderança. FAFITEAL.


Disponivel também no Portal ADALAGOAS

quinta-feira, 26 de maio de 2011

Por enquanto, kit gay está suspenso pela presidente Dilma Rousseff




A Bancada Evangélica fez pressão, ameaças e protestos e conseguiu junto com outras bancadas como a Católica e a da Família que o Kit Gay fosse proibido de ser distríbuido nas escolas. O kit foi vetado diretamente pela Presidente Dilma Rousseff que após analisar o material reprovou todo o conteúdo produzido.
O Kit Anti-homofobia, como era denominado, foi criado por ONGs pró-gays a pedido do Ministério da Educação (MEC) e continha cartilhas, posteres e vídeos sobre homossexualismo. Apesar das acusações de que o kit faria apologia a homossexualidade ao invés de prevenir a homofobia, o Ministro da Educação Fernando Haddad já havia programado o inicio da distribuição nas escolas para o segundo semestre de 2011, apesar dele não ter sido aprovado por todas as comissões.
A decisão de proibir o kit gay saiu imediatamente depois da Bancada Evangélica anunciar uma série de sanções contra o governo em protesto a proposta. Confira abaixo:
  • Saida do Ministro da Educação;
  • CPI para apurar denúncias de irregularidades no MEC;
  • Obstrução de todas votações do plenario;
  • Convocação do Ministro da Casa Civil, Palocci nas comissões, para dar explicações sobre o estampado na midia;
  • Convocação do Ministro Fernando Haddad, na  Comissão de Educação e Cultura, para explicar as cartilhas sobre homofobia;
Após o anúncio do veto, o vice-presidente da Bancada Evangélica anunciou que todas as medidas foram suspensas.
A partir de agora as propostas similares do MEC deverão passar por uma série de comissões especiais para serem analisadas, incluindo uma designada pela Presidente Dilma Rousseff, além de análise e aprovação da sociedade civil. Apenas para ser produzido, o kit gay custou cerca de R$4 milhões aos cofres públicos.
Fonte: Gospel+

Pais e muitos professores são contra a distribuição deste material. Veja a declaração vergonhosa a seguir, nem os filhos, nem os pais merecem isso:
Quem já assistiu aos vídeos sabe que não se tratam de vídeos anti-homofobia, mas um verdadeiro incentivo à prática homossexual. É, com certeza, um "kit gay". Se você ainda não viu, assista e você verá que o que eu digo não é brincadeira: 1º Vídeo | 2º Vídeo | 3º Vídeo.
Marco Antonio da Silva Filho

terça-feira, 24 de maio de 2011

"Só evangelizo por dinheiro"

Certo homem de posição aproximou-se de Jesus e perguntou-lhe: "Bom Mestre, que farei para herdar a vida eterna?
Respondeu-lhe Jesus: Por que me chamas bom? Ninguém é bom, senão um que é Deus.
Sabes os mandamentos: Não adulterarás, não matarás, não furtarás, não dirás falso testemunho, honra a teu pai e a tua mãe.
Replicou ele: Tudo isso tenho observado desde a minha juventude.
Ouvindo-o Jesus, disse-lhe: Uma coisa ainda te falta: vende tudo o que tens, dá-o aos pobres e terás um tesouro nos céus; depois, vem e segue-me.
Mas, ouvindo ele estas palavras, ficou muito triste, porque era riquíssimo" (Lc 18.18-23).

Muitos põe sua confiança nas riquezas; confiam no dinheiro, muito mais do que confiam em Cristo. O amor de alguns por seus bens materiais ultrapassa seu amor por Deus. O vídeo abaixo é muito bom. Ele mostra que muitas pessoas, por dinheiro, pregariam o evangelho, mas por amor, não. Não espere alguém te oferecer "cem dólares" para pregar o evangelho. Pregue por amor.



"Ninguém pode servir a dois senhores; porque há de aborrecer-se de um e amar ao outro, ou se devotará a um e desprezará ao outro. Não podeis servir a Deus e às riquezas" (Mt 6.24)


Marco Antonio da Silva Filho

domingo, 22 de maio de 2011

O mundo não acabou?

Várias pessoas já tentaram definir uma data para o arrebatamento. A última foi 21 de maio de 2011; sem sucesso. Veja aqui. Será que podemos conhecer a data em que voltará o Senhor Jesus? Pouco antes da ascensão de Jesus, perguntaram-lhe: "Senhor, será este o tempo em que restaures o reino a Israel?" Ele respondeu: "Não vos compete conhecer tempos ou épocas que o Pai reservou pela sua exclusiva autoridade" (At 1.6,7). Nós não sabemos quando Cristo virá, veja o que está escrito: "Mas considerai isto: se o pai de família soubesse a que hora viria o ladrão, vigiaria e não deixaria que fosse arrombada a sua casa. Por isso, ficai também vós apercebidos; porque, à hora em que não cuidais, o Filho do Homem virá." (Mt 24 43,44)

Nós não sabemos quando, mas temos certeza que ele voltará. Pois, "se a nossa esperança em Cristo se limita apenas a esta vida, somos os mais infelizes de todos os homens" (1 Co 15.19).

"Então, dois estarão no campo, um será tomado, e deixado o outro; duas estarão trabalhando num moinho, uma será tomada, e deixada a outra. Portanto, vigiai, porque não sabeis em que dia vem o vosso Senhor" (Mt 24.40-42).


Veja este vídeo, que ilustra o arrebatamento:



Marco Antonio da Silva Filho

sábado, 21 de maio de 2011

Lições Bíblicas Juvenis - A ordem é preservar

Neste fim de semana, a lição bíblica irá esclarecer dúvidas como: "O cristão deve se preocupar com o meio ambiente?" ou "Deus está preocupado com a preservação da natureza?". O meio ambiente tem passado por mudanças através dos séculos. E estas mudanças afetam a vida da criação de Deus.


Deus e o meio ambiente

Deus está preocupado com o meio ambiente? É claro que Ele se importa com a vida na terra! "Porque assim diz o SENHOR, que criou os céus, o Deus que formou a terra, que a estabeleceu; que não a criou para ser um caos, mas para ser habitada" (Is 45.18). O homem têm causado muitos impactos ambientais negativos. Esses impactos, muitas vezes, são de longo prazo, ou seja, ocorrem depois de um certo tempo da ação que os gerou. Muito do que colhemos hoje, foi plantado há um bom tempo. Alguns fatos preocupantes:

Aquecimento global: a energia solar chega à superfície terrestre sob várias frequências de ondas. Parte é refletida, parte é absorvida e reemitida sob a forma de radiação infravermelha. Mas alguns gases da atmosfera da terra são opacos às ondas infravermelhas, eles não deixam que a radiação refletida volte ao espaço. Exemplos desses gases: dióxido de carbono (CO2), metano e os clorofluorcarbonos (CFCs). Porém, isso não é ruim. Isso é essencial para a vida na Terra. O que acontece, é que no último século e meio, a quantidade dos gases de efeito estufa têm aumentado muito. O resultado é um maior aquecimento do planeta.

Os combustíveis fósseis (carvão mineral, petróleo e gás natural etc.) são grandes contribuintes de gases de efeito estufa. Para reduzir a quantidade da emissão dos gases responsáveis pelo efeito estufa, foi assinado um protocolo, em Kyoto, Japão, em 1997. Com este protocolo, os países industrializados devem diminuir 5,2% em relação aos níveis de 1990. Ondas de calor chegam a matar pessoas, como a que aconteceu na Europa, em 2003 (cerca de 35 mil pessoas morreram). O desprendimento de grandes icebergs também é mais um sinal do aquecimento global.

Eutroficação: é o aumento excessivo de nutrientes na água, que gera um grande crescimento de certos organismos, principalmente bactérias aeróbias (que precisam de oxigênio para sobreviver). Isso faz com que não haja oxigênio suficiente para os outros organismos, que acabam morrendo. E, então, bactérias anaeróbias (que podem viver na ausência de oxigênio) se desenvolvem. Isso acontece porque os rios e lagos são poluídos pelo homem. O verbo poluir é de origem latina, polluere, e significa profanar, manchar, sujar. Poluir é manchar, sujar a natureza. O que contribui para a eutroficação é o lançamento de esgoto nos rios.

As leis de Deus em relação ao meio ambiente

Desde o início, Deus se mostra cuidadoso em relação à terra: "Tomou, pois, o SENHOR Deus ao homem e o colocou no jardim do Éden para o cultivar e guardar" (Gn 2.15). Por isso, orienta seu povo até no modo de tratar a natureza. Ele deu ordens a Israel:

O ano sabático: conhecido também como ano de descanso, assim chamado, pois a terra seria semeada durante seis anos e, no sétimo, não era cultivada, mas recebia um descanso.

Quando você terminar de ler esta frase, uma área de floresta do tamanho de cinco campos de futebol terá tombado na Amazônia. São 3 hectares de mata (no mínimo 1350 árvores) derrubados a cada cinco segundos. Perceba que essa estatística engloba somente a Amazônia. Que será então no mundo inteiro? O que Deus acha disso? Em Deuteronômio 20.19,20, Deus dá ordens acerca da guerra. Quando os israelitas fossem guerrear contra uma cidade, estavam proibidos de cortar as árvores frutíferas. Numa guerra precisa-se de madeira para serem confeccionados instrumentos de combate, como a lança. Isso deveria ser feito com árvores infrutíferas.

Além de prejudicar os animais com a derrubada de florestas, muitos  acabam com a vida deles por valerem muito dinheiro. Por causa disso, muitos animais estão em extinção ou caminhando para ela. Deus não quer tal coisa. Os israelitas, se encontrassem uma ninhada de pássaros, não podiam tomar a mãe junto com os filhotes para eles (Dt 22.6,7)! "O justo atenta para a vida dos seus animais, mas o coração dos perversos é cruel" (Pv 12.10).

Siga os bons exemplos

Abraão, já sendo velho, "plantou um bosque em Berseba e invocou lá o nome do Senhor, Deus eterno" (Gn 21.33). Ele não colheria seus frutos, mas seus descendentes, sim. É claro que estamos aguardando a volta de Jesus, nosso lar é celestial, mas enquanto estivermos aqui, "a Igreja tem um papel ecológico na Terra", como afirmou o Pr. Elienai Cabral. O cristão não é egoísta, mas se importa com os outros. 

Catástrofes são naturais, pois a criação está sujeita à vaidade, "sabemos que toda criação, a um só tempo, geme e suporta angústias até agora" (Rm 8.22). O pecado causou isso (Gn 3.17). Mas muitas tragédias ocorrem porque o homem não tem tomado cuidado com a natureza. Portanto, tomar medidas de preservação é muito importante. Veja algumas:

Economizar água e energia elétrica. É preciso usá-las de modo racional. Ponha em prática os 3Rs (Reduzir, Reusar, Reciclar) o máximo que puder! Cada pessoa é responsável por cerca de 3,6 quilogramas de lixo por dia! Dê às pilhas e baterias um destino apropriado. Siga o exemplo de Abraão, plante árvores. Com essas e outras atitudes que contribuem para a preservação da natureza, todos saem ganhando.

Marco Antonio da Silva Filho

Fontes de apoio:
SÁNCHEZ, Luis Enrique. Avaliação de impacto ambiental: conceitos e métodos. São Paulo: Oficina de Textos, 2006
ANGELO, Claudio. Ciências: dilemas e desafios. São Paulo: Editora Salesiana, 2008.
LOPES, Sônia; ROSSO, Sérgio. Biologia - volume único. São Paulo: Saraiva, 2005.


Também disponível no Portal ADALAGOAS

quinta-feira, 19 de maio de 2011

Pobreza x Riqueza

Certo dia, um pai de família rica levou seu filho para viajar para o interior com um firme e único propósito: mostrar ao pequeno garoto como são e vivem as pessoas mais simples, mais pobres.
Passaram um dia e uma noite numa fazenda onde a família levava uma vida extremamente humilde. Depois dessa pequena temporada, os dois resolveram ir embora. Despediram-se e pegaram o caminho de volta.

Durante a viagem para o "lar doce lar", o pai, mais do que curioso, pergunta ao pequeno garoto:
— E aí filho, o que achou da viagem?
— Muito boa, papai!
— Você viu como as pessoas pobres levam a vida? — perguntou o pai.
— Sim, eu pude ver!
— Então, me conta! O que você aprendeu com tudo isso, meu filho?
E o garoto, mais do que depressa, responde:
— Eu vi que nós temos um cachorro em nossa casa, já eles, têm vários, além das galinhas e dos coelhos. Nós temos uma piscina que alcança o meio do nosso jardim, eles têm um riacho que aparentemente não acaba. Nós temos uma varanda coberta e iluminada com bastante luz, eles têm as estrelas e a lua que os ilumina de forma mágica e única. Nunca vi um céu tão lindo! Nosso quintal vai até o portão de entrada, eles têm uma floresta inteira para quando quiserem brincar.

Enquanto o pequeno garoto finalizava sua resposta, seu pai já se encontrava estupefato, boquiaberto com a sensibilidade de seu filho.
Por fim, o garoto acrescentou, fazendo sua pequena conclusão:
— Obrigado pelo dia, papai. Pude aprender hoje quão pobre somos!
"Assim é aquele que para si ajunta tesouros, e não é rico para com Deus" (Lc 12.21)
E, para finalizar, uma frase que resume todo o contexto mencionado acima:

"Conheci uma pessoa que era tão pobre, mas tão pobre, que só tinha dinheiro".¹

Marco Antonio da Silva Filho


¹ Extraído da revista Defesa da Fé, Ano 9nº 71

terça-feira, 17 de maio de 2011

Fuja da imoralidade sexual!

Fuja da impureza (1 Co 6.18)! "Foge, outrossim, das paixões da mocidade. Segue a justiça, a fé, o amor e a paz com os que, de coração puro, invocam o Senhor" (2 Tm 2.22).

Muitos jovens entram, e não conseguem sair de uma vida de pornografia e impureza sexual. Mas é possível viver longe disso. É possível viver uma vida em liberdade, com Cristo, que é a verdade (Jo 14.6). "E conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará. Se, pois, o Filho vos libertar, verdadeiramente sereis livres" (Jo 8.32,36).

Siga o exemplo de Moisés, que rejeitou "usufruir prazeres transitórios do pecado" (Hb 11.25). Sim, é um prazer transitório, que logo passa. O melhor é estar na presença de Deus, onde há plenitude de alegria, e na sua destra, prazeres eternos (Sl 16.11).

No vídeo abaixo, Tim Conway e James falam sobre ser livre da pornografia e da masturbação.


Por Tim Conway e James. © Grace Community Church e I’ll Be Honest.
Websites:gccsatx.com e illbehonest.com Tradução: VoltemosaoEvangelho.com

Disponível também no YouTube: Parte 1 — Parte 2 — Parte 3

Marco Antonio da Silva Filho

sábado, 14 de maio de 2011

Lições Bíblicas Juvenis - Pureza Total

Neste domingo, 15 de maio, a Lição Bíblica Juvenis aborda um tema que muitos preferem não comentar: a sexualidade. Mas o jovem precisa manter-se puro em um mundo mau. Mas "Como pode o jovem manter pura a sua conduta? Vivendo de acordo com a tua palavra" (Sl 119.9, NVI). É a Palavra de Deus que nos santifica. Certa vez, em oração, Jesus disse: "Santifica-os na verdade; a tua palavra é a verdade" (Jo 17.17). O jovem crente precisa estar preparado contra as ciladas do inimigo. A Escola Dominical é um dos responsáveis na instrução bíblica da juventude.


Visão bíblica do sexo:

Tudo que Deus criou é bom (Gn 1.31). Antes da Queda da humanidade, "Deus os abençoou [homem e mulher] e lhes disse: "Sede fecundos, multiplicai-vos, enchei a terra" (Gn 1.28). A sexualidade é necessária para preservação da espécie. O sexo, segundo os padrões de Deus, não se constitui um pecado. Mas Satanás, que provocou a Queda da humanidade, ainda continuar a tentar o ser humano para que peque contra Deus; corrompendo a criação de Deus (1 Pe 5.8,9).


Advertências bíblicas:

A Bíblia não é omissa no que diz respeito ao que nos pode manchar. A Palavra de Deus nos ensina a rejeitar a imoralidade e a fugir da impureza (1 Co 6.18). Portanto, fuja disto:


Masturbação - Além de ser um ato egocêntrico, está acompanhado de pensamentos sujos, sejam eles fantasias ou conteúdo pornográfico. O pensamento do crente deve ser ocupado por "tudo o que é verdadeiro, tudo o que é respeitável, tudo o que é justo, tudo o que é puro, tudo o que é amável, tudo o que é de boa fama, se alguma virtude há e se algum louvor existe" (Fp 4.8).  É verdade que o jovem está cercado de apelos à sexualidade. Mas ele deve ser forte. Lembre-se que não estamos sós; o Espírito Santo está conosco e irá nos ajudar. 


Homossexualismo - A ordem dada por Deus em Gênesis 2.24 foi: "Por isso, deixa o homem pai e mãe e se une à sua mulher, tornando-se os dois uma só carne". O cristão não discrimina o homossexual, mas ele apenas é contra a sua prática. Tendo em vista que o crente segue a Bíblia, que mostra que a união homossexual é abominada por Deus: "Com homem não te deitarás, como se fosse mulher; é abominação" (Lv 18.22). Na aula de domingo, pode ser comentado também um projeto de lei que está sendo muito discutido: o PLC 122. O tal projeto torna crime qualquer posicionamento contra a prática homossexual, privilegiando uma classe e ferindo a liberdade de expressão.


Prostituição - Veja o que Deus já dizia a seu povo, Israel: "Das filhas de Israel não haverá quem se prostitua no serviço do templo, nem dos filhos de Israel haverá quem o faça" (Dt 23.17). A prostituição é totalmente contra a vontade de Deus: "Pois esta é a vontade de Deus: a vossa santificação, que vos abstenhais da prostituição" (1 Ts 4.3). Portanto, "fugi da impureza" (1 Co 6.18).


Adultério - Deus disse que o homem deixaria pai e mãe e se uniria a sua mulher, tornando-se uma só carne. Relações extraconjugais vão de encontro ao propósito de Deus. Recorde também que Jesus disse: "qualquer que olhar para uma mulher com intenção impura, no coração, já adulterou com ela" (Mt 5.28).


Fornicação - É a prática sexual entre pessoas solteiras ou entre uma casada e uma solteira. Jovem, guarde sua pureza sexual. Não ligue para aqueles que dizem: "virgindade já era" ou "você é muito fraco". Pelo contrário, você é que está sendo forte! Vale a pena viver de acordo com a Palavra de Deus. "Digno de honra entre todos seja o matrimônio, bem como o leito sem mácula; porque Deus julgará os impuros e adúlteros" (Hb 13.4).


Caminho estreito

Pessoas a serviço do reino das trevas têm trabalhado para promover todo tipo de material pornográfico, seja na TV, revistas ou internet. Muitos jovens têm se aprisionado neste mundo. Para resistir às tentações, comece guardando seus olhos do mal. Jesus disse: "São os olhos a lâmpada do corpo. Se os teus olhos forem bons, todo o teu corpo será luminoso; se, porém, os teus olhos forem maus, todo o teu corpo estará em trevas. Portanto, caso a luz que em ti há sejam trevas, que grandes trevas serão!" (Mt 6.22,23). Que possamos dizer: "Não porei coisa má diante dos meus olhos" (Sl 101.3).

Não esqueça: "Um abismo chama outro abismo" (Sl 42.7); cometer pecados sutis é um grande passo para pecados com maiores consequências. São poucos os que acertam com o caminho estreito, e muitos, com o espaçoso (Mt 7.13,14). Faça a diferença. Fuja da impureza, rejeite a prostituição, diga não ao pecado! Guarde a Palavra de Deus para não pecar (Sl 119.11). 

"Foge, outrossim, das paixões da mocidade. Segue a justiça, a fé, o amor e a paz com os que, de coração puro, invocam ao Senhor" (2 Tm 2.22).


Marco Antonio da Silva Filho


Este comentário também está disponível no Portal ADALAGOAS

segunda-feira, 9 de maio de 2011

Fiéis abandonam empregos e famílias a espera do fim do mundo

21demaio Fiéis abandonam empregos e famílias a espera do fim do mundo

"Dentro de duas semanas, dia 21 de maio, Jesus vai voltar e o mundo vai acabar sete anos depois disso. É o que defendem os seguidores de Harold Camping, fundador da Family Radio e um dos que anunciam a volta de Jesus neste ano. Tudo segundo as escrituras, assegura ele.
Desde o ano passado seus seguidores o tem ajudado a propagar essa crença através da internet e de cartazes e outdoors espalhados pelos Estados Unidos.
“Fui chamado de herege”, afirma Haubert, consultor financeiro de 33 anos. ”Já me disseram que leio a Bíblia de forma errada, mas há pessoas que parecem genuinamente interessadas”, explica. Seu amigo e fiel companheiro, o empresário Kevin Brown, tem uma abordagem mais suave, prefere não discutir com as pessoas, apenas distribui  educadamente panfletos que anunciam o Dia do Juízo.
“As pessoas precisam saber”, diz Brown. “Deus nos ordenou a compartilhar o evangelho e o fim do mundo. Se não compartilharmos as boas novas, seu sangue estará em nossas mãos, quer acreditem ou não. Deus está me mandando fazer isto”, explica.
 Fiéis abandonam empregos e famílias a espera do fim do mundo
Haubert (à direita na foto) e Brown (na esquerda) largaram seus empregos e passam o dia colando cartazes e distribuindo folhetos para tentar convencer seus amigos e familiares que o Julgamento Final está próximo. Brown explica que esta mensagem está espalhada por toda a Bíblia, mas somente alguns conseguem entendê-la.
“Dia 21 de maio, por volta da 6 horas na Orla do Pacífico, haverá um grande terremoto em cada fuso horário, como nunca houve na história da Terra”, diz ele. Os verdadeiros crentes em Cristo serão “arrebatados”. Os demais experimentarão mais horror que o das histórias de terror”, diz ele. “O pior de tudo isso é que não haverá mais salvação nesse momento. A Bíblia diz que 153 dias depois, todo o universo e o planeta Terra serão destruídos para sempre.”
A crença deles está baseada nos escritos de Camping, 89 anos, que já havia previsto o final do mundo para 6 de setembro de 1994. Quando isso não aconteceu, ele voltou a estudar as profecias. “Naquela época ainda não havia chegado às profecias de Jeremias e vi o quanto ele tinha a nos dizer sobre o final do mundo. Refazendo os cálculos ele chegou à data de 21/05/2011. Nesse dia, supostamente completa-se exatos 7.000 anos após o dilúvio.
Haubert e Brown fazem parte de um número desconhecido de pessoas que acredita piamente que não estarão mais aqui dia 22 de maio.
“Eu me importo com uma aposentadoria. Não estou estressado por ter perdido o emprego.  De certa forma, estou mais feliz.”, explica Haubert. Ele tentou alertar seus amigos e familiares, mas todos pensam que ele está louco.
Haubert é solteiro. Brown é casado e tem filhos pequenos, mas nenhum deles compartilha de suas crenças. Por causa disso acabou separando-se de sua esposa, mas ele diz que isso também foi previsto na Bíblia. “Deus diz que não podemos amar o marido, a mulher ou os filhos mais do que a ele. É um teste. Existe uma provação que os crentes estão passando agora. É como um fogo ardente.”
Adrienne Martinez e seu esposo Joel moravam e trabalhavam em Nova York. Depois que passaram a ouvir a Family Radio em 2009, decidiram largar seus empregos e passar seus últimos dias com a filha de dois anos em Orlando. Agora, passam seus dias lendo a Bíblia e distribuindo panfletos. “Organizamos nosso orçamento, estamos gastando nossas economias. Depois do dia 21 não precisaremos mais de dinheiro”, explica ela.
Esse fiéis e seus mentores não temem que a previsão esteja errada. “Temos certeza que vai acontecer. Não há plano B”, explica Camping. A dúvida maior é: “E se eles não forem arrebatados?” “Se eu acordar aqui dia 22 é porque não fui salvo e vou para o inferno. Não quero ir para lá”, teme Brown.
Recentemente, um grupo de ateus decidiu fazer celebrações do fim do mundo, em diferentes cidades, justamente no dia 22 de maio."
Agência Pavanews, com informações de National Public Radio


Podemos definir uma data para o arrebatamento?

sábado, 7 de maio de 2011

Lições Bíblicas Juvenis - Geração Saúde

A lição bíblica deste domingo, 07 de maio, fala sobre os cuidados que devemos ter com o nosso corpo. Nosso corpo é templo do Espírito Santo, "Não sabeis vós que sois santuári,o de Deus, e que o Espírito de Deus habita em vós?" (1 Co 3.16). Devemos cuidar do nosso corpo, que é templo do Espírito de Deus. Atualmente, muitas pessoas não estão tendo o devido cuidado com o seu corpo. Um dos fatores responsáveis é a mídia.


Seja na TV, na internet, ou mesmo revistas, a mídia estabelece padrões de beleza inatingíveis, inalcançáveis. Mulheres com rostos e corpos perfeitos, nem um pouco acima do peso, e cabelos impecáveis. Homens musculosos que fascinam as mulheres. Muitas vezes, esses resultados nem são reais, são efeitos causados por edição posterior. Tudo isso causa uma "necessidade desnecessária" àqueles que são influenciados, fazendo com que muitos jovens busquem o que nunca poderão achar: um corpo perfeito.


As mulheres, em busca de um corpo ideal, desenvolvem doenças como a anorexia: não querem mais se alimentar, almejando uma magreza que elas não conseguem ter, por sempre se verem acima do peso; algumas até deixam de sair para passeios com amigos, por não quererem comer nada no passeio. Outro problema é a bulimia: jovens que também desejam, com ardor, a magreza, quando passam da conta, provocam vômito, colocando tudo que ingeriram para fora.


Já os homens, principalmente, com o anelo de um corpo forte, musculoso, acabam caindo na vigorexia: eles fazem exercícios físicos além de suas capacidades, desgastando seus corpos e contraindo doenças. Outro perigo para os homens, para as mulheres também, é o uso de anabolizantes; seus efeitos colaterais são terríveis:

"Efeitos colaterais em homens:

  • Ginecomastia – Desenvolvimento das mamas nos homens. Geralmente isso ocorre devido a altos níveis de estrogênio circulante. Esses níveis também são resultado da taxa aumentada de conversão de testoterona em estrogênio via enzima aromatase;
  • Função sexual reduzida e infertilidade temporária;
  • Atrofia testicular – Efeito colateral temporário que é devido ao déficit nos níveis de testosterona natural que leva à inibição da espermatogênese. Como a maioria da massa do testículo tem com função o desenvolvimento do espermatozóide, o tamanho dos testículos geralmente retorna ao tamanho natural quando a espermatogênese recomeça, algumas semanas após o uso do esteróide anabólico ser cessado."¹

Por outro lado, muitos não estão tão preocupados com sua beleza, mas também não estão preocupados com sua saúde, tornando-se obesos, por não conseguirem manter um equilíbrio. A obesidade, por sua vez, torna mais fácil a obtenção de doenças como hipertensão, câncer, diabetes e doenças cardiovasculares. Os dois extremos devem ser evitados. Devemos cuidar de nossa saúde física e manter uma boa aparência, com bom senso, é claro!

No que diz respeito a manchar nosso corpo, isso acontece com tatuagens. Mesmo que alguns arqueólogos afirmem que datem de 4.000 e 2.000 a.C., elas ainda são muito usadas hoje. Mas Deus já alertava o povo de Israel acerca de marcas no corpo: "Pelos mortos não ferireis a vossa carne; nem fareis marca nenhuma sobre vós. Eu sou o SENHOR" (Lv 19.28).

Lembre-se que somos sal e luz do mundo! Lembre-se que o Senhor não vê como o homem vê (1 Sm 16.7), e que é a Deus que você tem que agradar. "Portanto, quer comais, quer bebais ou façais outra coisa qualquer, fazei tudo para a glória de Deus" (1 Co 10.31)

"Rogo-vos, pois, irmãos, pelas misericórdias de Deus, que apresenteis o vosso corpo por sacrifício vivo, santo e agradável a Deus, que é o vosso culto racional" (Rm 12.2)


Marco Antonio da Silva Filho

¹ http://pt.wikipedia.org/wiki/Esteroide_anabolizante

sexta-feira, 6 de maio de 2011

Você é uma boa pessoa?

Assista o vídeo abaixo:




O "Sr. Cara Legal", depois não pareceu tão legal assim. O ser humano é pecador! Muitos tentam justificar seus atos pela gravidade das ações que outros cometeram. Mas lembre-se, Deus disse: "Sede santos, porque eu sou santo" (1 Pe 1.16). Nós não somos santificados porque erramos menos que os outros. Nós somos santificados pela Palavra de Deus. Em oração, Jesus disse: "Santifica-os na verdade; a tua palavra é a verdade" (Jo 17.17).

Não são boas obras, boas ações que garantem a salvação do homem. O homem não pode salvar-se sozinho, com seus próprios esforços. Está escrito: "Porque pela graça sois salvos, mediante a fé; e isto não vem de vós; é dom de Deus; não de obras, para que ninguém se glorie" (Ef  2.8,9). O homem será salvo quando se arrepender de seus pecados e crer em Jesus Cristo e em sua obra redentora (At 16.31; Rm 10.9). O Espírito Santo é quem convence o homem de seus pecados (Jo 16.8).

Quando o homem entrega sua vida a Cristo, nasce de novo! Tem uma nova vida! Afinal ele foi salvo mediante o lavar regenerador e renovador do Espírito Santo (Tt 3.5). Sendo, então, filho de Deus (Jo 1.11,12), não vive na prática de pecado (1 Jo 3.9). Mas se vier a pecar, possui Advogado junto ao Pai, Jesus Cristo (1 Jo 2.1). E o sangue de Jesus o purifica de todo pecado (1 Jo 1.7).

"Porque Deus amou ao mundo de tal maneira que deu seu filho unigênito, para que todo o que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna" (Jo 3.16).


Marco Antonio da Silva Filho

quarta-feira, 4 de maio de 2011

Conselhos para os filhos no livro de Provérbios

"O livro de Provérbios é uma coleção de expressões curtas e concisas que contém lições morais. O propósito do livro é declarado logo no princípio, a saber: dar sabedoria aos jovens. (1:1-7). É o livro prático do Antigo Testamento, que aplica os princípios de justiça, pureza e piedade à vida diária. A sabedoria ensinada em Provérbios, não é meramente carnal, ou prudência comum, mas sim, baseada no temor do Senhor (1.7)".¹


Sendo o livro de Provérbios tão rico em sabedoria, ele possui vários conselhos para os filhos, resolvi organizar alguns. Guarde cada um deles, pois a Palavra de Deus deve ser conservada em nossos corações (Sl 119.11). Confira:

  • "Filho meu, ouve a instrução de teu pai, e não deixes o ensino de tua mãe" (Pv 1.8);
  • "Filho meu, se os pecadores te quiserem seduzir, não consintas... filho meu, não andes no caminho com eles; guarda da sua vereda o teu pé" (Pv 1.10,15);
  • "Filho meu, não te esqueças da minha instrução, e o teu coração guarde os meus mandamentos; porque eles te darão longura de dias, e anos de vida e paz" (Pv 3.1,2);
  • "Filho meu, não rejeites a disciplina do Senhor, nem te enojes da sua repreensão; porque o Senhor repreende aquele a quem ama, assim como o pai ao filho a quem quer bem" (Pv 3.11,12);
  • "Filho meu, não se apartem estas coisas dos teus olhos: guarda a verdadeira sabedoria e o bom siso; assim serão elas vida para a tua alma, e adorno para o teu pescoço" (Pv 3.21,22);
  • "Ouvi, filhos, a instrução do pai, e estai atentos para conhecerdes o entendimento" (Pv 4.1);
  • "Quando eu era filho aos pés de meu, pai, tenro e único em estima diante de minha mãe, ele me ensinava, e me dizia: Retenha o teu coração as minhas palavras; guarda os meus mandamentos, e vive" (Pv 4.3,4);
  • "Ouve, filho meu, e aceita as minhas palavras, para que se multipliquem os anos da tua vida" (Pv 4.10);
  • "Filho meu, atenta para as minhas palavras; inclina o teu ouvido às minhas instruções." (Pv 4.20);
  • "Agora, pois, filhos, dai-me ouvidos, e não vos desvieis das palavras da minha boca" (Pv 5.7);
  • "E por que, filho meu, andarias atraído pela mulher licenciosa, e abraçarias o seio da adúltera? Porque os caminhos do homem estão diante dos olhos do Senhor, o qual observa todas as suas veredas" (Pv 5.20,21);
  • "Filho meu, guarda o mandamento de, teu pai, e não abandones a instrução de tua mãe" (Pv 6.20);
  • "Filho meu, guarda as minhas palavras, e entesoura contigo os meus mandamentos" (Pv 7.1);
  • "Um filho sábio alegra a seu pai; mas um filho insensato é a tristeza de sua mãe" (Pv 10.1);
  • "O que ajunta no verão é filho prudente; mas o que dorme na sega é filho que envergonha" (Pv 10.5);
  • "O filho sábio ouve a instrução do pai; mas o escarnecedor não escuta a repreensão" (Pv 13.1);
  • "O insensato despreza a correção de seu pai; mas o que atende à admoestação prudentemente se haverá" (Pv 15.5);
  • "O que aflige a seu pai, e faz fugir a sua mãe, é filho que envergonha e desonra. Cessa, filho meu, de ouvir a instrução, e logo te desviarás das palavras do conhecimento" (Pv 19.26,27);
  • "O que amaldiçoa a seu pai ou a sua mãe, apagar-se-lhe-á a sua lâmpada nas mais densas trevas" (Pv 20.20);
  • "Ouve a teu pai, que te gerou; e não desprezes a tua mãe, quando ela envelhecer" (Pv 23.22);
  • "Filho meu, teme ao Senhor, e ao rei; e não te entremetas com os que gostam de mudanças" (Pv 24.21);
  • "Sê sábio, filho meu, e alegra o meu coração, para que eu tenha o que responder àquele que me vituperar" (Pv 27.11);
  • "O que guarda a lei é filho sábio; mas o companheiro dos comilões envergonha a seu pai" (Pv 28.7);
  • "O que rouba a seu pai, ou a sua mãe, e diz: Isso não é transgressão; esse é companheiro do destruidor" (Pv 28.24);
  • "O que ama a sabedoria alegra a seu pai; mas o companheiro de prostitutas desperdiça a sua riqueza" (Pv 29.3).


Marco Antonio da Silva Filho

¹Citação do livro Através da Bíblia Livro por Livro, de Myer Pearlman